Feeds:
Posts
Comentários

Oi

Como vai você?

Sacudido

Acho que a coisa mais difícil de acontecer é você escrever um texto sem ter inspiração, que acredite ou não, é o que eu estava tentando fazer agora! Se você é um leitor ou leitora fiel “deste blog”, você deve saber que eu fiquei quase 2 meses inteiros para escrever um texto.

Geralmente as pessoas tentam encontrar inspiração em musicas, imagens, livros, poêmas… Nesses últimos meses eu tinha tentado por várias vezes descobrir porque eu não tinha mais inspiração. Quando eu descobri o que era, foi uma total frustração. A coisa da qual mais evitara nesses últimos dias era a minha verdadeira inspiração. A bíblia. Não exatamente a bíblia mas o que esta por trás da bíblia. Deus.

Mas como podia ser? Um livro tão chato e arcaico quanto este era minha verdadeira inspiração? Do mesmo jeito em que se começa a ler um livro que você foi obrigado a ler pela escola, eu comecei a ler a bíblia. Mas com o passar do tempo eu me surpreendi. Na verdade aquele livro não era chato, mas a forma que eu lia era chato. Nós transformamos as mentiras que ouvimos em verdade. Ouvimos que a bíblia é um livro chato e por isso acreditamos que ele é chato. Conhecemos o ditado (não julgue um livro pela capa) e dissemos que fazemos parte desta classe mas na verdade isso é a mais pura mentira!

Aquele livro velho e arcaico na verdade pode ser um companheiro de aventuras, depende apenas de você!

EAW? Esta pronto para mais uma aventura?

É, os tempos mudaram! Muita coisa ruim sim, mas não apenas.

“E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura”. Marcos 16:15

Uma vez alguém me disse que missões não é um trabalho, mais o dever de todo crente! Hoje em dia eu concordo com ele. Ultimamente os “crentes” tem inventado muitas e muitas desculpas pra não sair por ai falando do amor de Deus. Hoje não há mais desculpas para não ir! Quero apresentar para vocês o novo método de evangelismo, ele se chama: Evangelismo Criativo. Evangelismo Criativo é basicamente o jeito criativo de fazer evangelismo. Óbvio não? Mas é essa a definição.

Você pode ser do tipo dos que não gostam muito de falar, assim como eu. Então você pode usar de mágicas, ciência, mímicas, malabarismo, claw… Interessante, vocês não acham?

Ou então talvez  você não queira evangelizar, mas se escolher isso tome cuidado com o Zagueiro do Evangelismo!

Brincadeira.

Esses dias eu venho me questionando em relação a diferença que estamos fazendo neste mundo. Eu admito que eu não sou nem um pouco diferente! Vivendo a base de um computador, (sem ofensa com quem trabalha com isso) todos os dias na televisão, escola por obrigação… Pra mim chega!

Eu quero ter uma Fe genuína em Jesus! Eu quero que ele seja meu melhor amigo. Eu quero acordar e dizendo “ola Jesus como passou a noite?” ou então “bom dia! Já é de manha”.

Eu quero ser como Jose, Abraão, Jô, Noé, pessoas que fizeram mudança em suas gerações! Olhe para Noé, ele vivia na época em que ninguém ligava para Deus. Nunca choveu, mas mesmo assim ele ficou 100 anos construindo uma arca. Pessoas casoando  a todo momento. Todos sabemos como acabava a historia!

Jose. O homem que podia brigar, reclamar, mas não! Ele teve paciência por toda sua vida! Foi preso, tornou-se escravo, vou tentado pelo pecado, mas ele não largou de nenhuma forma Deus. No final ele vira governador.

Abrão só queria ter uma dissidência! Ia ter tanto descendentes que Deus mudou seu nome para Abraão. Jô foi o homem mais rico do mundo.

Eu quero ser como esses homens, eu quero conhecer pessoas como esses homens, ainda mais nessa época em que precisamos tanto ser Diferentes. Nossas igrejas ser os pontos de Diferença.

Quanto precisamos melhorar! Um mundo perdido pela frente! Sem rumo. Precisamos ser diferentes! Mostrar uma direção, um caminho. Mais do que tudo eu quero ser diferente para Ele! Eu quero ser diferente para Jesus!

Vivemos planejando o futuro! Quando vai começar a trabalhar, o que vai prestar no vestibular, com quantos anos vai namorar…

Acontece que isso não é bom. Por mais que você lute para ter o que planejou para sua vida, nunca dá tudo certo. Você diz que agora vai se matar de trabalhar ou estudar para depois poder descansar.

“Então lhes contou esta parábola: “A terra de certo homem rico produziu muito bem. Ele pensou consigo mesmo: ‘O que vou fazer? Não tenho onde armazenar minha colheita’. “Então disse: ‘Já sei o que vou fazer. Vou derrubar os meus celeiros e construir outros maiores, e ali guardarei toda a minha safra e todos os meus bens. E direi a mim mesmo: Você tem grande quantidade de bens, armazenados para muitos anos. Descanse, coma, beba e alegre-se’. “Contudo, Deus lhe disse: ‘Insensato! Esta mesma noite a sua vida lhe será exigida. Então, quem ficará com o que você preparou?”

Lucas 12:16 – 20

Esta semana, descobri que vivia planejando meu futuro e vivendo o passado. O presente era nada! Desperdício. Descobri que Deus não olha para nosso passado. Ele quer o nosso presente. Nada de ficar dizendo: “quando eu crescer e tiver um emprego, dinheiro, uma casa, e aí sim eu começarei a pensar em Deus”. Isso também não dá certo!

Quando olho para trás, vejo quanto tempo eu desperdicei com jogos, TV, passatempos em geral. 12 anos desperdiçados. Quantas pessoas poderia ter trazido para Deus. Mas não adianta chorar por isso. Cabeça em pé. Foram-se muitos anos, mas agora tenho muitos outros que não podem ser desperdiçados.

Nada de ficar sonhando com o futuro! O futuro é agora.

“O que me preocupa não é o grito dos maus, é o silêncio dos bons” disse o sábio Martin Luther King, mas, o que realmente torna uma pessoa sábia? Sua aparência? Seu entendimento? Não, e na verdade a pessoa que se preocupa com o que os outros vão pensar, não tem nada de sábio.

É claro que você pode cuidar de sua aparência! Mais esse não é o assunto do texto então… Torno a perguntar, o que faz de uma pessoa sábia?

O que faz uma pessoa sábia é Deus.

“A teu servo, pois, dá um coração entendido para julgar a teu povo, para que prudentemente discirna entre o bem e o mal; porque quem poderia julgar a este teu tão grande povo?”  1Reis 3:9

Salomão, famoso por sua sabedoria. Proferiu três mil provérbios, e foram os seus cânticos mil e cinco. Ultimamente ele não seria considerado sábio porque cantadas como “Os teus olhos são como os das pombas” não dariam muito certo! Mas naquela época dava! Tanto dava que Salomão teve mais de mil esposas! Quanta disposição! Eu acho que tem que ser muito sábio pra conseguir sustentar tantas mulheres! Sábio, rico e doido!

Outra pessoa sábia foi Enoque. Talvez você não conheça esse, ele não é muito famoso na bíblia. Ele foi pai de Matusalém. Ele foi uma pessoa muito sábia porque com trezentos e sessenta e cinco anos Deus o tomou pra si. Que vida ele teve com Deus!

E por fim o Paulo. O cara era o vilão e depois ele virou o herói! De caçador ele virou a caça! O que fazia de Paulo sábio? Sua atitude, em ambos os lados ele era obstinado, mais um dos lados foi melhor. O homem criou uma grande onda do Papai! Viajou por “todo o mundo” evangelizando. E mesmo depois de três vezes açoitado com varas, uma vez apedrejado, três vezes sofreu naufrágio, uma noite e um dia no mar ele continuou, cada vez aumentando a força da onda.

Espero que podemos ser sábios ainda nessa época, criando tsunamis por todo o mundo!